domingo, 14 de fevereiro de 2010

Olindamente linda!

Não sou folião profissional. Nem amador eu sou. O mais perto que já cheguei das folias foi pelo controle remoto da TV.

Mas do alto de toda minha ignorancia carnavalesca eu declaro: O carnaval de Olinda é bom demais!!

Dentro de minha visão de leigo eu sempre percebi o carnaval, especialmente do Rio, São Paulo e Salvador como festas que se tornaram burocraticas, protocolares e que precisam de grana. Muita grana. E mais, exceto por Salvador, o povo é agente passivo. Estou falando é claro do que a gente vê pela TV.

Mas em Olinda, ahh Olinda! Nunca ví tanta alegria expontanea num lugar só. Nunca soube que pode dar prazer participar de uma coisa tão confusa, onde parece que tudo se desconecta de tudo. São tantos blocos ou trocinhas indo e vindo que deixam a gente meio sem saber para que lado ir. A impressão que dá é que vão trombar, vão se misturar. É música por todo lado.

E a simplicidade? É só botar uma fantasia qualquer, de qualquer coisa e sair atrás. Claro que tem muita gente que capricha nas fantasias, eu ví umas bem bacanas, mas não tem regras, não tem modelo. Fantasiado ou não você esta no meio da folia. E pronto.

Vi gentileza. Ví sim! Não foram poucas as pessoas que desculparam-se por esbarrar em mim. Sério mesmo. E pede-se licença para passar. Acreditem.

E as famílias? Coisa boa de se ver. E guerra com pistolas d´água? Não via isso desde menino. Compramos uma pra Gigi, que bacana! Até a Rita arriscou umas esguichadas. E acertou!

Me senti entre amigos. A descontração é tanta que não cabem inconveniencias, nem essas bobagens que voces sabem de quais falo.

Não quero parecer ingenuo, essa experiencia foi logo cedo até lá pelas duas da tarde. Sei lá o que acontece depois, não posso dizer.

Cerveja? Baratinha. R$ 2.00 o latão. E eu tive a impressão que toda a produção da Skol de um mes estava a venda por ali. Amanhã eu mostro uma foto de um dos depositos. Aliás prometo todas as fotos para amanhã.

É isso, minha gente, não dá pra falar muito não. Só vendo mesmo.

Ahh! Daqui um pouco tem festa no SESC! E começa tudo de novo. Licença!

Fiquem em paz.,

Jonas

2 comentários:

  1. é a festa mais democrática da Terra, sem duvida nenhuma!

    ResponderExcluir
  2. Mas me diga uma coisa Carô: falta muito pra próxima.

    ResponderExcluir